Eu sou o Remúlio. Ouvi dizer que o Ventor tinha por aqui um jardim todo florido e estou farto de andar para dar com ele. Alguém viu por aqui as Flores de Inverno de que ouvi falar? Está difícil!
Raios já caí!

bicho-conta1.jpg

Dei um grande tropeção. Também aqui, nem mesmo o Ventor, ia colocar um jardim!

bicho-conta2.jpg

"Levanta-te Remúlio, senão estás lixado"! Parece-me que ouvi o Ventor?! Mas qu'é dele? bem o melhor é levantar-me mesmo! Pelo menos uma folha verde já vejo!

Bem, para quem não me conhece, eu sou Remúlio, um amigo do Ventor. Foi ele que disse ao Noé para não se esquecer de meter os bichinhos de conta na velha arca. Por isso, desde o Dilúvio que todos os meus antepassados estão agradecidos aos cuidados do Ventor e hoje, todos nós, somos seus amigos. A minha namorada, que se chama Quiríula, adora o Ventor desde que ele me safou ao tirar-me de cima de um muro todo poluído e eu nem sabia por onde sair!

bicho-conta3.jpg

Remúlio retoma as buscas

Bom! Vou ver se vejo o célebre jardim. Já vejo que ninguém me ajuda! Só vejo uma folha, vou ver se vejo também flores! Passem bem, rapaziada!

Image034a.jpg

Olha o enroladinho! Vasta ouvires eu passar para trupeçares, Remúlio, e mal meto o turbo, cais! Então tu não vés as flores do nosso amigo Ventor?! Pois, claro, andas sempre nas raízes! Eu e o Ventor só queremos as corolas. Eu com o meu trombil, sugo-lhes o pólen e o Ventor devora-as com os olhos. Levanta-te e vê onde pões essas pernas todas!


Em todo o mundo há flores lindas, como as minhas Flores de Inverno ou Flores da Vida mas, não ofuscam as flores das minhas Montanhas Lindas

publicado por Ventor às 12:07